terça-feira, junho 26, 2012

AUTO FASCÍNIO (28/03/05)

A saudade já corroe o meu peito levemente
Nessa Segunda onde o sol não mostra o seu rosto
Desejo logo te rever e o amor que a gente sente
Reinará absoluto afundando o meu desgosto.

Meus carinhos são exclusivos à mulher que me alegra
Nas tardes ensolaradas ou em noites reluzentes
Ao teu lado me contento e a tristeza é quase cega
Deparou-se com a alegria bem aqui a nossa frente.

Grato eternamente ao destino eu serei
Pela perfeita companheira que trilha o meu caminho
Sorrisos gratuitos aos domingos eu ganhei
Palavras confortantes não me deixam mais sozinho.

Cores vivas enfeitam minha casa, meus domínios
Por quase um ano não tenho melancolia
Teu caráter simplesmente exerce alto fascínio
Devolvendo a esse ser a mais pura alegria.
 Alexsandro Menegueli Ferreira   
                

Nenhum comentário:

Postar um comentário